ACESSIBILIDADE


OBJETOS MEDIADORES


Apostamos no museu como um espaço de encontros múltiplos entre pessoas com e sem deficiência.

O material que produzimos é usado com os públicos de distintas faixas etárias com uma proposta integradora para produzir distintas experiências. Os objetos relacionais são ferramentas que instigam reflexões e exploram o repertório do visitante, buscando aproximar o espectador das peças expostas. Buscamos a experimentação estética como um pilar para nossa formação cultural, e este material atua nesta tarefa. Os objetos de mediação podem ser dos mais variados suportes, materiais, formatos e tamanhos.



PEÇAS TRIDIMENSIONAIS



São objetos elaborados para tornar a mediação acessível a todos os públicos, sendo pessoas com ou sem deficiência. Estes objetos não devem ser entendidos como réplicas ou cópias. Um desenho do Picasso transformado em uma escultura, por exemplo, não é mais o desenho do Picasso, e sim um caminho que encontramos para abordar essa obra usando o tato. Na construção deste trabalho priorizamos os conceitos trazidos pela obra do artista, e é isso que as peças trazem consigo, para além de uma representação tridimensional da obra.

JOGOS MODULARES

Exposição LIG – DES Marcello Nitsche

A partir da série de obras "Pinceladas" e Tridimensionais" do pintor/escultor brasileiro Marcello Nitsche, foram desenvolvidas peças com encaixe que mediavam os conceitos de bidimensionalidade, tridimensionalidade, equilíbrio, movimento visual e construção modular. Os visitantes eram convidados a criar uma escultura a partir dos encaixes entre as placas percebendo como a tridimensionalidade emergia do cruzamento destes planos. A atividade era destinada a todos os públicos, inclusive as pessoas com deficiência visual que através do tato, reconheciam as pinceladas do artista e experimentavam o processo da construção escultórica. de explosões e rachadura tátil na parede.

Exposição LIG – DES Marcello Nitsche

Os túneis de tecido conversavam com as esculturas tubulares e a obra "bolha amarela" presentes na exposição LIG DES Marcelo Nistche. Construídos de forma modular, podiam se encaixar uns aos outros expandindo seu comprimento. Os visitantes eram convidados a explorar o interior do túnel e as possibilidades de movimento através de uma construção coletiva. Por seu caráter lúdico e sensorial a atividade era presente para o trabalho com as crianças e com público com deficiência intelectual.


Exposição Hans Hartung: Oficina do Gesto


Os quadros L11,rmm 87 (1957), La première metamorphose du feu (1984) e T1989-A4 (1989) do artista Hans Hartung inspira essa dinâmica que aborda aspectos formais de sua expressão abstrata. Uma mesa de luz foi dividida em camadas sobrepostas como os planos dos quadros. Cada camada traz um elemento formal materializado: linhas em fios de elástico, massas de cor em tecidos, respingos em miçangas. Nessa mesa, o visitante era convidado a mover as maçanetas em que os materiais estavam presos, com o intuito de trabalhar o gestual. Além disso, o espaço contava com três placas táteis que reproduziam formas presentes nas obras, utilizando corda de violão, arame, manta acrílica, gesso texturizado.

SAPOTI PROJETOS CULTURAIS

  • Telefone

    +55 (21) 2556-5612 | +55 (21) 2205-6693

  • E-mail

    sapoti@sapotiprojetos.com.br